Voltar ao topo.Ver em Libras.
93,3 FMOuça ao vivo
Tocando agora: Daqui a pouco mais músicas na Oeste Capital!

Por falta de abrigo, população constrói estrutura em ponto de ônibus em Chapecó

« Mais recente🔀🛈Categoria:Geral
ImprimirReportar erroTags:devido, richard, tiveram, essa, ressaltou, chegou, às e redes532 palavras8 min. para ler

Devido à falta de espaço adequado para esperar o ônibus, a população do bairro Desbravador, de Chapecó, tomou a iniciativa de construir um ponto com as próprias mãos na última semana. O abrigo – que foi construído em três dias – está localizado na rua Albino Sá Filho.De acordo com o presidente da Associação de Moradores do Bairro Desbravador, Micaelson Gehlen, a obra foi bem executada e cumpriu com o objetivo. "O espaço é um ponto de maior concentração de usuários do transporte coletivo. Foi tentado pelos órgãos públicos, há um tempo, um abrigo e não foi conseguido”, disse. Como a espera foi muito longa, a solução encontrada pelos moradores foi construir um ponto de ônibus com as próprias mãos e recursos. 
Valério Correia Froner mora em frente ao ponto de ônibus e acompanhou as obras. Ele disse que a decisão foi tomada por alguns moradores que utilizam o transporte coletivo, depois de diversas solicitações formais, sem retorno. O morador aprovou a decisão: "É muito bacana a iniciativa deles. Muita gente está acostumada a esperar pela Prefeitura, mas eles, cansados de esperar, tiveram essa iniciativa”, ressaltou.
A iniciativa repercutiu e chegou às redes sociais. Richard Casarin usou o perfil no Twitter para mostrar e parabenizar os moradores pela iniciativa.
Nesta segunda-feira (9), a Administração Municipal, por meio de nota, disse que não recebeu o pedido de instalação de abrigo no local. Segundo a Prefeitura, "o único registro que existe referente à esse assunto, foi feito pelo proprietário do terreno no Ouvindo Nosso Bairro Digital, solicitando que a Secretaria retire a estrutura, já que ela foi instalada sem o conhecimento e autorização do proprietário do terreno”.
A Administração também informou que com a regularização do contrato do transporte coletivo de Chapecó, estão previstas as melhorias e trocas dos abrigos. As mudanças serão feitas de forma gradativa conforme cada caso e região da cidade. Além disso, que um dos critérios para receber os novos abrigos leva em consideração o grande fluxo de pessoas e usuários do transporte, "como é o caso do Bairro Efapi, Seminário e região Central”.
A Administração Municipal, por meio da Secretaria de Defesa do Cidadão e Mobilidade, informa que a demanda não foi registrada em nenhum canal do Município (secretaria responsável, Ouvidoria ou Ouvindo Nosso Bairro Digital) até o momento.
A Administração comunica também, que "o único registro que existe referente à esse assunto, foi feito pelo proprietário do terreno no Ouvindo Nosso Bairro Digital solicitando que a Secretaria retire a estrutura, já que ela foi instalada sem o conhecimento e autorização do proprietário do terreno.
Quanto à implantação do abrigo de ônibus no local, a Administração reforça que com a regularização do contrato do transporte coletivo de Chapecó, estão previstas as melhorias e trocas dos abrigos. As mudanças estão sendo feitas de forma gradativa conforme cada caso e região da cidade.
Entre os principais critérios de implantação dos novos abrigos estão: regiões de grande fluxo de pessoas e usuários do transporte (como é o caso do Bairro Efapi, Seminário e região Central), número de linhas de ônibus na região e locais que possam abrigar o modelo grande da estrutura (necessita de um espaço de 2 metros e meio para instalação).

Fonte:/ClicRDC

Últimos recados

Curta o nosso site!