Voltar ao topo.Ver em Libras.
93,3 FMOuça ao vivo
Tocando agora: Daqui a pouco mais músicas na Oeste Capital!

PM apreende carro de R$ 500 mil em Chapecó

« Mais recente🔀🛈Categoria:Geral
ImprimirReportar erroTags:estava, foram, foi, local, dia, placas, veículo e operação344 palavras5 min. para ler

Durante a tarde desta quarta-feira (4), a Polícia Militar de Chapecó realizou operação preventiva de rotina na Rua Antonio Morandini, bairro Jardim Itália, onde vários veículos foram apreendidos, entre eles um carro de luxo de mais R$ 500 mil.
Ao todo foram abordados 297 veículos entre carros e motos e 11 pessoas que estavam nas proximidades ou passavam pelo local e apresentaram atitude suspeita. 

Como resultado da fiscalização, algumas irregularidades foram constatadas, sendo lavrados 54 autos de infração de trânsito e 22 veículos precisaram ser recolhidos ao pátio por irregularidades diversas. Também foram recolhidas quatro CNHs.
Segundo a PM, o objetivo foi gerar segurança e tranquilidade à população local e também a outros bairros, porque a via é um importante corredor de acesso. Ainda, teve o cunho de promover a justiça com todas as pessoas que andam em dia com suas obrigações.

Durante a operação, um Maserati Granturismo foi autuado e recolhido ao pátio por transitar sem as placas. O veículo estava em dia, mas o condutor não soube explicar o motivo de estar sem as placas. Os policiais desconfiam que o motorista, que se identificou como um empresário do Rio Grande do Sul, que estava a negócios em Chapecó, retirou as placas para poder transitar sem se preocupar com a fiscalização eletrônica de velocidade no percurso, mas ninguém conseguiu entender o real motivo.

O carro ano e modelo 2010 tem valor de mercado aproximado de R$ 500 mil, está registrado na cidade de Porto Alegre (RS), estava com a documentação em dia e não possuía nenhum tipo de restrição. Pela situação em que se encontrava, o veículo foi submetido a uma minuciosa revista e identificação. A autuação e o recolhimento do veículo chamaram a atenção de quem passava pelo local e muitos curiosos questionaram o que estava ocorrendo e aparentavam surpresa ao saber o motivo.


Ainda, uma das motocicletas apreendidas durante a operação estava com a placa quebrada e presa por argolas de arame, o que permitia que o carona pudesse levantar a placa na passagem por uma lombada eletrônica ou em fuga após o cometimento de algum crime.

Fonte:/Polícia Militar

Últimos recados

Curta o nosso site!