Voltar ao topo.Ver em Libras.
93,3 FMOuça ao vivo
Tocando agora: Daqui a pouco mais músicas na Oeste Capital!

MÁGOA APÓS TAPA NO ROSTO MOTIVOU MORTE DE HOMEM EM CHAPECÓ

« Mais recente🔀🛈Categoria:Geral
ImprimirReportar erroTags:papini, adolescente, delegado, foi, vítima, marcelo, moto e investigação437 palavras6 min. para ler

Marcelo dos Santos da Silva, de 20 anos, foi morto com três tiros, no bairro Bom Pastor, em Chapecó (SC). Os suspeitos são dois adolescentes, que foram identificados e apreendidos. Segundo o delegado, Vagner Papini, da Divisão de Investigação Criminal (DIC), o autor dos disparos tem 15 anos. Ele tinha uma desavença com a vítima. A investigação apurou que o estopim da discórdia foi um tapa que Marcelo deu no rosto do suspeito. O outro adolescente pilotava a moto, em que o autor dos disparos fugiu.As informações sobre a investigação foram repassadas pelo delegado, na tarde desta quarta-feira (29), durante uma coletiva de imprensa. Papini informou que o caso foi concluído e o inquérito foi encaminhado ao Poder Judiciário. "Eu concluí que eles foram autores de um ato infracional análogo a um homicídio qualificado por motivo fútil e pela dissimulação", fala Papini.  
Ainda segundo o delegado, o condutor da moto sabia que o adolescente estava armado e que pretendia praticar o homicídio. "Em razão disso, por mais que ele tenha apenas conduzido a motocicleta até o local, esse conhecimento faz com que realmente ele tivesse a participação nesse delito. Então, ele é tido como partícipe desse ato infracional análogo a homicídio”, comenta o delegado.
De acordo com Papini, o tempo máximo que eles podem permanecer detidos são três anos.
Marcelo foi morto na noite do domingo, dia 24 de dezembro, de 2019. A Polícia Civil, por meio da DIC iniciou a investigação logo após o crime. Câmeras de videomonitoramento auxiliaram na identificação da motocicleta usada na fuga. Segundo Papini, trata-se de uma moto bruxa.
O delegado informou que a investigação apurou que o adolescente, na companhia de um amigo, tinha ido ao bairro comprar maconha. No local encontrou a vítima, que ele já tinha a intenção de matar. De acordo com as imagens de videomonitoramento, o adolescente desceu da moto, andou em direção a vítima e atirou pelas costas.
Papini disse que o adolescente disparou 10 vezes na direção de Marcelo, no entanto, só três tiros acertaram a vítima. Conforme o delegado, o adolescente informou que atirou, primeiramente, pelas costas da vítima, que caiu no chão. Mesmo com ela no chão, o autor efetuou mais disparos. Os tiros atingiram a coxa, o peito e o joelho.
Após o ato, ele subiu na garupa da moto e fugiu. A arma usada para matar Marcelo não foi encontrada. Ele e o adolescente foram identificados e apreendidos no dia 13 de janeiro. Segundo Papini, o autor não se mostrou arrependido.
O delegado informou que os dois adolescentes são conhecidos no meio policial e possuem várias passagens. A vítima também tinha registro, segundo Papini.

Fonte:/Polícia Militar

Últimos recados

Curta o nosso site!