Obs.: a página impressa não é necessariamente idêntica à página exibida na tela.
Voltar ao topo.
Oeste Capital 93.3 FM
93,3 FMOuça ao vivo
Tocando agora: Daqui a pouco mais músicas na Oeste Capital!

Dia do Jornalista

AnteriorPróximo
« Anterior« Última» Próxima» Primeira
ImprimirReportar erroTags:reprodução, direitos, também, fundada, objetivo, assegurar, jornalistas e estamos312 palavras4 min. para ler
Dia do JornalistaVer imagem ampliada
A data 07 de abril homenageia o trabalho dos profissionais da mídia, responsáveis por apurar fatos e levar as informações sobre os acontecimentos locais, regionais, nacionais e internacionais para as pessoas, de maneira imparcial e ética. Seja no rádio, televisão, jornais impressos, revistas e plataformas digitais o jornalista deve sempre trabalhar tendo como base a imparcialidade e fontes de informação confiáveis.


O Dia do Jornalista foi criado pela Associação Brasileira de Imprensa (ABI) como uma homenagem a Giovanni Battista Libero Badaró, importante personalidade na luta pelo fim da monarquia portuguesa e Independência do Brasil. Giovanni Badaró foi médico e jornalista, e foi assassinado no dia 22 de novembro de 1830, em São Paulo, por alguns dos seus inimigos políticos. O movimento popular que se gerou por causa do seu assassinato levou D. Pedro I a abdicar do trono em 1831, no dia 7 de abril, deixando o lugar para  D. Pedro II, seu filho, com apenas 14 anos de idade. Foi só em 1931, cem anos depois do acontecimento, que surgiu a homenagem e o dia 7 de abril passou a ser Dia do Jornalista. Foi também no dia 7 de Abril que a Associação Brasileira de Imprensa foi fundada, em 1908, com o objetivo de assegurar aos jornalistas todos os seus direitos.
Estamos vivendo em tempos diferentes, em muitos sentidos, melhores, mas com um grande avanço na tecnologia, o que confere a um jornalista a liberdade para investigar. O problema, portanto, é o que Leonardo da Vinci chamou de “saper vedere”: ser capaz de ver. O jornalismo, enfim, é a capacidade de ver e colocar o que se observou em uma ordem adequada para comunicar a seus leitores, ouvintes e telespectadores. O que faz a diferença não é a forma de escrever ou falar, mas a capacidade de observar.
“Jornalismo é publicar aquilo que alguém não quer que se publique. Todo o resto é publicidade.“ (George Orwell)
Fonte: Calendarr
Imagem: Reprodução
 
 

Fonte:Calendarr
Compartilhar página nas rede sociais:
CompartilharCompartilharTweetarCompartilharPin it

Últimos recados

AnteriorPróximo

Curta o nosso site!

AnteriorPróximo