Obs.: você está visualizando a versão para impressão desta página.
Voltar ao topo.Ver em Libras.
93,3 FMOuça ao vivo
Tocando agora:Daqui a pouco mais músicas na Oeste Capital!

Protocolo para obter vacina contra a Covid-19 para municípios catarinenses é assinado

« Mais recente🔀🛈Categoria:Saúde
ImprimirReportar erroTags:fecam, butantan, vacina, doses, brasil, diretor e paulo163 palavras2 min. para ler
A Federação Catarinense de Municípios (FECAM) assinou nesta quinta-feira (10) o protocolo de intenções com o Instituto Butantan, que formaliza o interesse dos municípios catarinenses em adquirir a vacina Coronavac, do laboratório Sinovac, após a aprovação pela Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa). A assinatura da parceria aconteceu em São Paulo (SP). 
Conforme a Fecam, a assinatura foi formalizada entre as entidades, representada pelo presidente da Fecam e prefeito de Rodeio (SC), Paulo Roberto Weiss e o diretor do Instituto Butantan, Dimas Tadeu Covas. 
A Fecam é a primeira entidade municipalista do Brasil a assinar o protocolo de intenções com o Butantan e acredita que a aplicação da vacina Coronavac deva acontecer ainda no primeiro semestre de 2021. 
Até a segunda quinzena de janeiro, informou o diretor do Butantan, serão 46 milhões de doses da vacina no Brasil, que aguardam a liberação. 
As duas doses previstas para imunização, segundo a consultoria da Fecam, custarão em média R$ 60 (R$ 30 cada dose).
 

Últimos recados

Curta o nosso site!

Guardamos estatísticas de uso e utilizamos cookies para melhorar a sua experiência. Saiba mais em nossa política de uso.