Obs.: você está visualizando a versão para impressão desta página.
Voltar ao topoVer em Libras
93,3 FMOuça ao vivo
Tocando agora:Daqui a pouco mais músicas na Oeste Capital!

VAZAMENTO OCULTO PROVOCA FALTA DE ÁGUA EM 30% DE CHAPECÓ#

« Mais recente🔀Categoria:Geral
ImprimirReportar erroTags:água, vazamento, scharf, casan, município, feira e falta244 palavras2 min. para ler

Pelo menos 30% da região urbana de Chapecó sofre com a falta de água desde quarta-feira (15). O bairro Efapi, na área Oeste do município, é a localidade mais afetada, segundo o chefe da agência da CASAN em Chapecó, Daniel Scharf.Ao todo, 10 profissionais da Casan atuam diretamente para localizar o problema. Scharf afirma que até às 9h30 desta sexta-feira (17), o local onde ocorreu a ruptura da tubulação não havia sido localizado. "Nós temos bastante certeza que é um vazamento oculto, porque não estamos conseguindo detectá-lo. Não há nenhuma alteração no sistema de captação ou vazão da água”, disse. 
Ainda segundo o chefe, o vazamento provoca grande desperdício. "Sabemos que é um volume muito grande de água que está vazando, pois está prejudicando muito o abastecimento das partes mais altas do município”, comentou. 
Equipes trabalham em todas as áreas do município, no entanto, o foco principal é o bairro Efapi, a fim de encontrar "o vazamento o mais rápido possível e realizar o conserto”. 
Scharf lembra que os primeiros indícios de vazamento começaram a surgir na quarta-feira com a falta de água. "Aí nós começamos a fazer essa busca incessante”, pontuou. 
O problema também atinge as áreas mais altas de Chapecó. A Casan orienta a população para que utilize a água de forma racionada. Além disso, que informe através dos canais de comunicação da empresa locais onde há falta. "Assim nós conseguiremos fazer um mapeamento geral”, concluiu Daniel.

Últimos recados#

Curta o nosso site#

Este site usa cookies para melhorar a navegação.
Termos legais e privacidadeOpt-out