Obs.: você está visualizando a versão para impressão desta página.
Ver em Libras

VÍDEO: Mentor do homicídio contra idoso tinha “dívida grande” com a vítima, explica Polícia Civil#

  1. Início
  2. BlogCentral de ajudaContatoEventosMapa do siteMural de recados
  3. Geral
  4. VÍDEO: Mentor do homicídio contra idoso tinha “dívida grande” com a vítima, explica Polícia Civil
Veja também
🔀


Na tarde desta terça-feira (26), na sala de reunião da Divisão de Investigação Criminal de Fronteira (DIC-Fron), em Chapecó, a Polícia Civil repassou mais detalhes do homicídio de Valdemar Dias, de 76 anos, que foi encontrado morto no dia 15 de janeiro de 2024, em uma plantação de pinus, no interior de Ponte Serrada, no Oeste de Santa Catarina. Conforme o delegado Eder Matte, o mentor do crime, possuía uma dívida grande com a vítima (mais de R$ 200 mil).

Com o decorrer das investigações foram identificados os três autores. Conseguimos concluir que o motivo dessa morte, desse homicídio duplamente qualificado foi em razão de interesse financeiro. Um dos autores tinha uma dívida muito grande com a vítima e também conseguimos apurar durante as investigações que esse crime já vinha sendo arquitetado há pelo menos um mês, da data do fato. Esse seria o mentor do crime, essa pessoa que tinha essa grande dívida com a vítima, ele foi auxiliado por mais duas pessoas. Uma dessas pessoas era um funcionário da sua chácara e a outra pessoa era um amigo que estava passando por grandes dificuldades financeiras. De uma forma ou de outra, todos os três acabaram se beneficiando”, disse o delegado Eder Matte.

ASSISTA

Ver essa foto no Instagram Uma publicação compartilhada por ClicRDC (@clicrdc)

Detalhes da Polícia Civil

No dia 12 de janeiro foi encontrado o veículo da vítima abandonado, fechado, no interior de Chapecó e na data de 15 de janeiro de 2024, foi encontrado o cadáver da vítima com perfurações por instrumento perfurocortante, em uma plantação de pinus no interior de Ponte Serrada.  

Inicialmente a família imaginou tratar-se de um crime de sequestro, chegou a fazer Boletim de Ocorrência neste sentido. 

Posteriormente com  o decorrer das investigações constatou-se tratar de um crime arquitetado pelos autores há mais de um mês, e tendo, como motivação, interesses financeiros. Três homens foram identificados por terem participação no delito e indiciados pelo crime de homicídio duplamente qualificado, em razão de motivo torpe e utilização de recursos que dificultou/impossibilitou a defesa da vítima.

Restou claro que a motivação era financeira, pois um dos autores tinha uma dívida de mais de R$ 200 mil com a vítima e viu a morte de Valdemar, como uma solução para tentar extinguir o débito. Foi auxiliado na empreitada criminosa por um funcionário seu (serviços gerais de sua chácara), além de um amigo que passava por dificuldades financeiras. 

Todos teriam alguma vantagem financeira com a morte do idoso. O devedor do valor iria extinguir a dívida e os outros dois receberiam uma compensação financeira deste.  

O crime já vinha sendo planejado desde início de dezembro de 2023, entretanto não foi colocado em prática antes, pois a vítima viajou naquele mês, retornando para Coronel Freitas apenas no fim de dezembro. 

Dias após o retorno, o grupo atraiu a vítima para interior de Ponte Serrada com a desculpa de negociar uma propriedade, situação em que foi ceifada sua vida.

Durante as investigações, os três autores identificados foram presos e permaneceram à disposição da justiça.







O post VÍDEO: Mentor do homicídio contra idoso tinha "dívida grande” com a vítima, explica Polícia Civil apareceu primeiro em ClicRDC.

Fonte:https://clicrdc.com.br/sem-categoria/video-mentor-do-homicidio-contra-idoso-tinha-divida-grande-com-a-vitima-explica-policia-civil/
Outras opções
ImprimirReportar erroTags:vítima, foi, crime, dívida, autores, tinha e investigações522 palavras5 min. para ler

Compartilhar artigo:
CompartilharPin itPublicarTuitarRecomendar

Últimos recados#

Redes sociais#

+55 (49) 3361-3130Fale conosco agora
Controle sua privacidade:

Este site usa cookies para melhorar a navegação.
Termos legais e privacidadeOpt-out