Voltar ao topo.
Oeste Capital 93.3 FM
93,3 FMOuça ao vivo
Tocando agora: Daqui a pouco mais músicas na Oeste Capital!

Parque Ecológico do Tietê em São Paulo fecha como prevenção contra febre amarela

« Anterior« Última» Próxima» Primeira
ImprimirReportar erroTags:comunicação, grupo, etapa, ainda, méritos, inúmeras, teve e afirmou317 palavras4 min. para ler
Parque Ecológico do Tietê em São Paulo fecha como prevenção contra febre amarelaVer imagem ampliada
A Chapecoense visitou o Hercílio Luz, na tarde de domingo (04). e sofreu sua primeira derrota no Campeonato Catarinense. Para a partida, o técnico Gilson Kleina apostou numa equipe alternativa, promovendo a estreia de vários atletas com a camisa alviverde e investindo nos garotos da base. O jogo começou equilibrado, mas, devido às irregularidades no gramado, as duas equipes tiveram dificuldades de criar jogadas com a bola no chão. E foi em uma bola aérea que o Hercílio Luz chegou ao gol. Aos oito minutos, Lima recebeu de Moisés e mandou para o fundo do gol, inaugurando o placar. O gol motivou a torcida e também os jogadores do clube do Sul, que de falta assustou com uma bola na trave.

Após isso, no entanto, o jogo foi controlado pela Chapecoense, que teve inúmeras chances ainda na primeira etapa para empatar o placar. O segundo tempo iniciou com a Chapecoense tomando a iniciativa e tentando igualar o marcador desde início. Aos três minutos, Perotti recebeu de Vinícius Freitas e exigiu boa defesa do goleiro Martins. Na sequência, aos 26, Arthur Caike mandou, de bicicleta, na trave do adversário. As chances, no entanto, não foram convertidas, e o placar foi encerrado em 1 a 0 para a equipe do sul.

Para o técnico Gilson Kleina, os 10 minutos em que a Chapecoense levou para se adaptar ao gramado do Aníbal Costa acabaram custando a derrota. O treinador não tirou os méritos do adversário, mas afirmou ter gostado do desempenho do grupo alternativo da Chape. O treinador elogiou os atletas estreantes e valorizou a atuação dos jogadores da base. “Jogadores estreando, com muito potencial, que tenho certeza que vão crescer e, com isso, o nosso elenco vai ficar muito forte”.

Agora, a Chapecoense segue viagem ao Uruguai, onde enfrenta, na próxima quarta-feira (07) a equipe do Nacional, em partida decisiva e válida pela segunda fase da Conmebol Libertadores.

Fonte: ACF

Imagem: Comunicação Hercílio Luz

Fonte:G1
Compartilhar página nas rede sociais:
CompartilharCompartilharTweetarCompartilharPin it

Últimos recados

Curta o nosso site!