Voltar ao topo.Ver em Libras.
93,3 FMOuça ao vivo
Tocando agora: Daqui a pouco mais músicas na Oeste Capital!

NOVE PESSOAS SÃO INDICIADAS EM PINHALZINHO

« Mais recente🔀🛈Categoria:Geral
ImprimirReportar erroTags:investigação, pessoas, cidade, declarações, falsas, residência, foi e habilitação231 palavras3 min. para ler

A Polícia Civil de Palmitos concluiu nesta semana a investigação que apurava utilização de declarações falsas de residência por pessoas que pretendiam realizar processo de habilitação na cidade.Durante a investigação foram instaurados diversos procedimentos que levaram o indiciamento de nove pessoas pelo crime de falsidade ideológica, sendo duas delas presas em flagrante no momento em que apresentaram os documentos ideologicamente falsos na Delegacia.
Conforme a Polícia a investigação identificou que pessoas residentes no Rio Grande do Sul buscavam a cidade de Palmitos para realização de processos de habilitação de veículos e mesmo não residindo na cidade firmavam declarações falsas de residência com auxílio de funcionário de Centro de Formação de Condutores.
Um instrutor de autoescola que auxiliava no preenchimento das declarações falsas foi indiciado oito vezes pelo crime de falsidade ideológica e por decisão da Justiça foi afastado de suas funções e está proibido de manter contato com qualquer pessoa relacionada ao Detran-SC, desde funcionários a alunos da empresa, sob pena de ser decretada sua prisão preventiva.
Durante a investigação comprovou-se que o instrutor do CFC chegou a alterar a titularidade de sua própria conta de luz para que outras pessoas pudessem comprovar residência nesta cidade.
Cópia da investigação foi enviada para a corregedoria do Detran e as pessoas que obtiveram carteiras de habilitação com documentos falsos poderão perder a CNH após o processo administrativo que será aberto.

Fonte:/ClicRDC, Foto: ClicRDC

Últimos recados

Curta o nosso site!