Voltar ao topo.Ver em Libras.
93,3 FMOuça ao vivo
Tocando agora: Daqui a pouco mais músicas na Oeste Capital!

MANDANTE DA TENTATIVA DE HOMICÍDIO CONTRA MULHER, NO CENTRO DE CHAPECÓ, ESTÁ FORAGIDA

« Última» Primeira🛈
ImprimirReportar erroTags:foragido, expediu, clicrdc, ex, quatro, lembra, esposa e pública309 palavras4 min. para ler
MANDANTE DA TENTATIVA DE HOMICÍDIO CONTRA MULHER, NO CENTRO DE CHAPECÓ, ESTÁ FORAGIDAVer imagem ampliada
O ClicRDC, com exclusividade, obteve informações de que a mandante da tentativa de homicídio contra uma mulher, no centro de Chapecó, ocorrido em 3 de junho de 2019, é considerada foragida pela Polícia Civil. Ela teve o mandado de prisão expedido e deveria se apresentar até esta sexta-feira (22), o que não ocorreu até agora. A vítima foi atingida por disparos de arma de fogo e o autor foi preso no mesmo dia do crime.

Segundo o Delegado da Divisão de Investigação Criminal (DIC), o Poder Judiciário expediu o mandado de prisão, na terça-feira (19), por quebra da ordem pública.

Papini lembra que quatro pessoas estão envolvidas no crime. Duas delas -o Paraguaio que cometeu a tentativa de homicídio e a cartomante que planejou a ação- estão presos.

O marido da cartomante, que foi até o Paraguai buscar o autor da tentativa de homicídio, Fabiano Aristides, de 37 anos e a mandante do crime são considerados foragidos da polícia.

Vagner Papini disse que a Polícia Civil manteve contato com os advogados de defesa da mandante do crime, mas não houve uma definição de quando ela iria se entregar. O prazo final para ela se apresentar era nesta sexta-feira.

De acordo com as investigações da Polícia Civil, a mulher foragida, de 63 anos, é ex-esposa do atual marido da vítima. Ela é suspeita de contratar os serviços de uma cartomante para separar o casal. Após as simpatias não darem certo, ela encomendou a morte da mulher. Além dela, outras três pessoas estão envolvidas no crime e irão responder por tentativa de homicídio qualificado, por motivo torpe e sem chance de defesa para a vítima.

Duas pessoas foram presas no decorrer das investigações: a cartomante e o paraguaio, responsáveis – respectivamente- por planejar a morte e o pelos disparos. Já o marido da cartomante, segundo as últimas informações divulgadas pela Polícia Civil, estava foragido.

Fonte:ClicRDC, Foto: ClicRDC

Últimos recados

Curta o nosso site!