Voltar ao topo.Ver em Libras.
93,3 FMOuça ao vivo
Tocando agora: Daqui a pouco mais músicas na Oeste Capital!

Irene Stonoga deve se transformar em modelo cívico-militar até a metade do ano

« Mais recente🔀🛈Categoria:Geral
ImprimirReportar erroTags:este, rotina, vitor, catarina, santa, adjunto, secretário e aos199 palavras3 min. para ler

O ano letivo já iniciou na Escola de Educação Básica Irene Stonoga – uma das três instituições de ensino do Estado selecionadas para implementar o  Programa Nacional das Escolas Cívico-Militares (Pecim). De acordo com o coronel Osvaldir Kassburg – responsável pela gestão compartilhada da Escola, junto à direção – a transição da nova metodologia de ensino deve ser concluída até a metade do ano.Ainda segundo o Coronel, as primeiras capacitações e contatos com a direção da Escola já foram feitas. "Estamos fazendo a seleção do corpo de monitores. Depois, faremos o treinamento desses profissionais. Mas já demos os primeiros passos”, afirma.
Policiais e bombeiros militares da reserva acompanharão a rotina dos estudantes, auxiliarão a gestão dos servidores e, ainda, reforçar atividades de civismo e cidadania aos estudantes. 
De acordo com o secretário adjunto de Educação do Estado de Santa Catarina, Vitor Fungaro Balthazar, a expectativa é de que a mudança aconteça de forma gradativa. "Esse processo será tranquilo, gradual, sem nenhum tipo de mudança muito repentina ou brusca”, comenta. 
Estudantes que tenham o interesse em ter uma educação cívico-militar podem comparecer à Escola Irene Stonoga para realizar a inscrição – com 120 novas vagas para este ano letivo.

Fonte:/SC

Últimos recados

Curta o nosso site!