Obs.: a página impressa não é necessariamente idêntica à página exibida na tela.
Voltar ao topo.
Oeste Capital 93.3 FM
93,3 FMOuça ao vivo
Tocando agora: Daqui a pouco mais músicas na Oeste Capital!

Explosão de caminhão-tanque mata mais de 140 pessoas no Paquistão

« Anterior« Última» Próxima» Primeira
ImprimirReportar erroTags:afp, feridos, mulheres, crianças, fatais, pode, aumentar e condições257 palavras3 min. para ler
Explosão de caminhão-tanque mata mais de 140 pessoas no PaquistãoVer imagem ampliada
Ao menos, 148 pessoas morreram e mais de 50 ficaram gravemente feridas após a explosão, neste domingo (25), de um caminhão-tanque cheio de gasolina, que pegou fogo após sofrer um acidente e capotar em uma estrada no leste do Paquistão.
Segundo Fida Hussain, porta-voz da polícia local, o número de vítimas é altos porque muita gente se aproximou do caminhão para pegar a gasolina que vazou do veículos. Centenas se aproximaram do local com esse objetivo, mas foram atingidas pelas labaredas e pelas explosões. De acordo com a agência Associated Press, o fogo teria começado devido às faíscas de carros e motos que circularam pelo local após o capotamento.
 
Segundo afirmou à AP o médico Mohammad Baqar, que faz parte da equipe de resgate, muitos corpos foram carbonizados a tal ponto que só poderão ser reconhecidos após testes de DNA. Entre as vítimas, há homens, mulheres e até crianças. O número de vítimas fatais pode aumentar, já que o feridos estão em condições gravíssimas. O acidente aconteceu por volta das 6h30 (horário local, 22h30 de sábado, 24, em Brasília), perto da localidade de Bahawalpur, na província de Punjab. Hussain explicou que o caminhão ia da cidade de Carachi, ao sul, para o norte, com destino à localidade de Lahore. Ele teria tombado por excesso de velocidade. O Paquistão registra um dos índices mais altos do mundo de acidentes de trânsito devido ao péssimo estado das estradas, às deficiências dos veículos e ao fato de que os transportes públicos costumam circular sobrecarregados de passageiros.
Fonte: G1


Foto: SS MIRZA / AFP

Fonte:G1
Compartilhar página nas rede sociais:
CompartilharCompartilharTweetarCompartilharPin it

Últimos recados

Curta o nosso site!