Obs.: a página impressa não é necessariamente idêntica à página exibida na tela.
Item adicionado ao pedido! E agora?
Permanecer na página atualIr para a tela de finalização do pedido
Voltar ao topo.
93,3 FMOuça ao vivo
Tocando agora: Daqui a pouco mais músicas na Oeste Capital!

Luis Fonsi, de “Despacito”, faz shows no Brasil: “Reggaeton é primo do funk”

AnteriorPróximo
« Última» Primeira
ImprimirReportar erroTags:divulgação, me, sentir, conta, também, vislumbra, novos e voos335 palavras4 min. para ler
Luis Fonsi, de “Despacito”, faz shows no Brasil: “Reggaeton é primo do funk”Ver imagem ampliada
São mais de 5,1 bilhões de visualizações só no YouTube e o recorde de vídeo mais visto do site. Mas pode ficar tranquilo: ainda tem bastante “Despacito“ pra todo mundo. É porque o cantor e compositor porto-riquenho Luis Fonsi, autor do maior hit de 2017, começa nesta sexta-feira (4) sua primeira turnê no Brasil com apresentações em SP, Curitiba e Rio E sem demonstrar nem um pingo de tédio com a canção que o levou de bom artista de música latina para rei do reggaeton.
“Nunca fico cansado dela. Eu canto músicas no meu show que têm 20 anos de idade. Músicas que atingiram o topo das paradas, não mundialmente como `Despacito`, mas que fizeram sucesso e foram número 1. Imagine quantas vezes eu tive de cantá-las?“, ele brinca em entrevista ao G1.
“Eu vejo de outro ângulo. Graças a essa música eu estou aqui e posso conhecer esse público, e eles a mim. É especial poder cantá-la ao vivo. (...) É uma música que as pessoas querem ouvir. Enquanto elas quiserem ouvir, vou me sentir bem“, conta.
Luis Fonsi também vislumbra novos voos a partir de solo brasileiro. Depois de se firmar nas paradas mundiais e emplacar “Échame la Culpa“, uma colaboração com Demi Lovato, o pai de “Despacito“ diz que agora quer trabalhar com um artista brasileiro.
Ele não revela os nomes favoritos ao cargo (Ivete Sangalo fará uma participação especial no show de SP), mas afirma ser fã do funk brasileiro e defende que quanto mais diferentes forem os gêneros envolvidos numa parceria, melhor.
“Eu amo o funk brasileiro. A música rítmica e urbana é o futuro do pop“, diz Fonsi.
“Fusões são incríveis e é importante que os artistas se unam. Um artista do funk se juntando a um artista do pop. É a receita por trás de `Despacito`. É o reggaeton, que é o primo do funk, por assim dizer, com o pop. E você tem um lado melódico, um lado rítmico, e é por isso que funciona“.
Fonte: G1
Foto: Divulgação
 

Fonte:G1
Compartilhar página nas rede sociais:
CompartilharCompartilharTweetarCompartilharPin it

Últimos recados

AnteriorPróximo

Curta o nosso site!

AnteriorPróximo