Voltar ao topo.
93,3 FMOuça ao vivo
Tocando agora: Daqui a pouco mais músicas na Oeste Capital!

Itajaí pede ajuda ao Exército para combater epidemia de dengue

« Anterior« Última» Próxima» Primeira
ImprimirReportar erroTags:júnior, ação, juntar, iremos, receber, moradores, resistência e havendo270 palavras4 min. para ler
Itajaí pede ajuda ao Exército para combater epidemia de dengueVer imagem ampliada
Defesa Civil solicitou que 50 soldados atuem durante 30 dias na cidade. Contingente deve ser capacitado para atuar junto com agentes de endemia.


A cidade de Itajaí, que vive uma epidemia de dengue, pediu ajuda do Exército para combater a doença na cidade. Até esta segunda-feira (18), o 23º Batalhão de Infantaria do Exército, em Blumenau, analisava o pedido.

Desde o início do ano, a cidade teve mais de 1,4 mil casos confirmados da doença com transmissão local, segundo a Divisão de Vigilância Epidemiológica do estado (Dive).

"Pedimos que 50 homens atuem em um trabalho intensivo durante 30 dias, principalmente nos bairros Cordeiros e São Vicente", afirma Everlei Pereira, coordenador da Defesa Civil. Segundo ele, atualmente 54 agentes de endemia trabalham visitando as casas da cidade.

O ofício da prefeitura foi entregue por ele e por um integrante do Comitê de Crise da Dengue na quinta-feira (7). "As estratégias de ação serão definidas após a resposta, mas está havendo resistência de muitos moradores para receber os agentes de endemia. Iremos juntar os agentes e os soldados em um grande mutirão para que entendam a gravidade", explica Pereira.

O trabalho deve ser realizado durante o mês de junho. "Solicitamos apoio do Exército para fazer a operação no início do inverno para reduzir os focos e que, consequentemente, tenhamos um verão mais tranquilo", diz o vereador Afonso Arruda, integrante do Comitê de Dengue. De acordo com Arruda, os soldados devem ser capacitados antes de atuarem.

Até a esta segunda (18), o Exército analisava o pedido. "Acredito que nos próximos dias tenhamos uma resposta do comando”, afirmou o comandante do 23º Batalhão de Infantaria do Exército, coronel Ângelo Brait Júnior.

Fonte:G1
Compartilhar página nas rede sociais:
CompartilharCompartilharTweetarCompartilharPin it

Últimos recados

Curta o nosso site!