Atenção!A página impressa é diferente da página exibida na tela do computador.
Feito!
Erro!
93,3 FMOuça ao vivo
Tocando agora: Daqui a pouco mais músicas na Oeste Capital!

Chapecoenses gastaram R$ 233 com o presente de Natal

VoltarVeja também
« Última» Primeira
ImprimirReportar erroTags:aumentaram, presente, se, seguindo, dinheiro, opção, indicou e maioria293 palavras4 min. para ler
Chapecoenses gastaram R$ 233 com o presente de Natal
Ver imagem ampliada
Chapecó - O Natal e o Ano Novo são datas muito esperadas pelos empresários em função do aumento no volume das vendas. Aproveitando o período, a Federação do Comércio de Bens, Serviços e Turismo de Santa Catarina (Fecomércio), em parceria com o Sindicato do Comércio da Região de Chapecó (Sicom), realizou pesquisa para avaliar o resultado das vendas e entender os impactos para o comércio. Além de Chapecó, a Fecomércio fez levantamento em Florianópolis, Joinville, Itajaí, Blumenau, Lages e Criciúma, com a participação de 402 empresas, nos dias 28 e 29 de dezembro passado.

Em Chapecó, quanto ao perfil das empresas entrevistadas, foram principalmente de vestuário/calçados (30%), móveis/decoração (15%) e padarias especializadas em chocolate e doces (7,5%), mesmo percentual de livraria/papelaria e de informática, eletrônicos e celulares. Conforme indicado nos dados, os chapecoenses tiveram gasto médio de R$ 233,72 com o presente de Natal, registrando aumento significativo sobre os R$ 143,85 gastos em 2014, ou seja, de R$ 89,87 a mais.

Como foi o pagamento

Quanto à forma de pagamento das compras de Natal e Ano Novo, a maioria indicou a opção à vista no dinheiro, em 35%, seguindo-se o parcelamento no cartão de crédito, em 30%, e o pagamento à vista no cartão de crédito, em 17,5%. Pagaram à vista no cartão de débito 7,5% dos consumidores, enquanto 10% optaram pelo parcelamento no crediário.  

Outro item questionado correspondeu à frequência quanto à realização de pesquisa de preços. Nesse quesito, 40% indicaram que foi razoável, 32,5% especificaram que foi baixa e 27,5% apontaram como alta a pesquisa de preços.

Variação do faturamento

Sobre a variação de faturamento, os empresários de Chapecó indicaram a menor queda, entre as principais cidades catarinenses, em relação a 2014. Foi de menos 0,5%, enquanto a média no Estado chegou a -7,3%. Já em relação aos meses comuns do ano, as vendas no período natalino aumentaram em 2,7%.

Fonte:Sicom
Compartilhar página nas rede sociais:
CompartilharCompartilharTweetarCompartilharPin it

Últimos recados

Curta o nosso site!