Atenção!A página impressa é diferente da página exibida na tela do computador.
Feito!
Erro!
93,3 FMOuça ao vivo
Tocando agora: Daqui a pouco mais músicas na Oeste Capital!

Campanha Nacional de Vacinação contra Influenza sofreu alterações

VoltarVeja também
« Última» Primeira
ImprimirReportar erroTags:ela, públicas, circulação, locais, individual, copo, gel e álcool259 palavras4 min. para ler
Campanha Nacional de Vacinação contra Influenza sofreu alterações
Ver imagem ampliada
Ela será realizada no período de 17 de abril a 19 de maio, e o Dia D será dia 13 de maio e não dia 06, como anteriormente foi divulgado. Os profissionais de saúde não serão mais vacinados entre os dias 10 e 13 de abril e sim depois do dia 24 quando inicia a campanha para todos os públicos. Outra alteração foi que entre os dias 17 e 21 de abril a vacina estará disponível apenas para os indivíduos com 60 anos ou mais e para os portadores de doenças crônicas não transmissíveis e outras condições clínicas especiais. Para os demais públicos, a campanha iniciará no dia 24 de abril.


De acordo com a enfermeira e coordenadora da Vigilância Epidemiológica de Chapecó, Karina Giachini, o público alvo da campanha são os idosos, gestantes, puérperas até 45 dias após o parto, crianças de 06 meses a menores de 05 anos, profissionais de saúde, adolescentes e jovens entre 12 e 21 anos sob medida socioeducativa, portadoras de doenças crônicas não transmissíveis, população indígena, funcionários do sistema prisional e professores das escolas públicas e privadas.

Dicas:
Manter os ambientes ventilados

Lavar bem as mãos

Uso do álcool em gel

Uso de copo individual ( em escolas e locais de grande circulação de pessoas)

Ter hábitos de vida saudável: praticar atividades físicas, alimentação balanceada e tomar bastante líquido.

Etiqueta da tosse: ao tossir ou espirrar, usar o braço e não as mãos.

Não se medicar… Em caso de sintomas, procurar atendimento médico, na unidade de saúde mais próxima.

Em 2016 foram registrados 24 casos positivos de gripe, 39 casos negativos e 1 óbito. Em 2017 foram registrados 02 casos.

Fonte e foto: Prefeitura de Chapecó

Fonte:PMC
Compartilhar página nas rede sociais:
CompartilharCompartilharTweetarCompartilharPin it

Últimos recados

Curta o nosso site!