Atenção!A página impressa é diferente da página exibida na tela do computador.
Feito!
Erro!
93,3 FMOuça ao vivo
Tocando agora: Daqui a pouco mais músicas na Oeste Capital!

14º Grande Prêmio do Cinema Brasileiro

VoltarVeja também
« Última» Primeira
ImprimirReportar erroTags:militar, homenageado, diretores, maiores, referência, roberto, cineasta e edição180 palavras2 min. para ler
14º Grande Prêmio do Cinema Brasileiro
Ver imagem ampliada
`O lobo atrás da porta`, do diretor Fernando Coimbra, ganhou como melhor longa-metragem de ficção no 14º Prêmio de Cinema Brasileiro. Leandra Leal, que atua no filme, foi escolhida melhor atriz. Tony Ramos (`Getúlio`) e Babu Santana (`Tim Maia`) dividiram a premiação de melhor ator. O filme de Coimbra foi o grande vencedor da noite, levando sete prêmios no total.

O filme “Getúlio”, de João Jardim, recebeu 14 indicações, o maior número entre os concorrentes, mas só levou três prêmios. Em seguida vieram “O lobo atrás da porta”, de Fernando Coimbra, com 12 indicações, “Tim Maia”, de Mauro Lima, e “Irmã Dulce”, de Vicente Amorim, com indicações em dez categorias cada.

O homenageado desta edição foi o cineasta Roberto Farias. Ele é referência entre os maiores diretores do Cinema Novo da década de 60 e um dos mais engajados na luta por mais espaços e investimentos ao setor audiovisual no Brasil.

Farias dirigiu obras importantes para o cinema nacional, como “O assalto ao trem pagador”, que concorreu ao Festival de Cannes, e “Pra frente, Brasil”, que foi censurado durante o regime militar.

Fonte:G1
Compartilhar página nas rede sociais:
CompartilharCompartilharTweetarCompartilharPin it

Últimos recados

Curta o nosso site!